Buscar

O PODER DA RESSIGNIFICAÇÃO


Certa vez, uma mãe levou o filho para passear na praia da cidade onde moram, o que raramente acontece. Após 5 minutos de passeio a mãe percebeu que havia perdido a aliança de casamento dela e desesperadamente começou a procurar o pequeno anel em meio aquela imensidão de areia. Ao perceber o desespero da mãe, o filho perguntou: mamãe, por que tanto desespero por causa de um anel? A mãe olhou para ele, com os olhos lacrimejados e disse: porque eu perdi a minha aliança de casamento e ela tinha um valor sentimental muito grande para mim. Não entendo como eu fui perder a minha aliança! Feliz da vida, sorrindo o menino disse: calma mamãe, nós vamos encontrá-la. E ali ficaram por horas e horas procurando, até que o menino gritou: ACHEI MAMÃE. A mãe voltou a sorrir e correu em direção ao filho, enchendo-lhe de abraços e beijos. Neste momento a criança falou: mamãe, perder uma aliança de valor só acontece com quem tem outra pessoa que a ama. Além disso, eu vou confessar que por mim a senhora pode perder essa aliança todas os dias, pois só assim eu consigo passar horas e horas ao seu lado e ainda receber um monte de abraços e beijos, afinal, não são todos os dias que podemos ficar tanto tempo juntos. Moral da história: momentos ruins quando ressignificados, ou seja, quando encarados de forma diferente é possível identificar que sempre há muitas oportunidades, as quais podem ser aproveitadas positivamente. Deixe nos comentários de que forma você está ressignificando o momento pelo qual está passando agora e aproveite para curtir e compartilhar este post com aquela pessoa que sempre encara os momentos que vive de forma negativa.

Texto: Adriano Marques

0 visualização

Posts recentes

Ver tudo